Por que trabalhar na Rede Sarah?

0

hospital-sarah-kubitschekOlá, pessoal! Você que está pleiteando uma vaga para técnico de enfermagem no concurso da  Rede SARAH de Hospitais de Reabilitação, ou que sonha em ser enfermeiro nessa instituição, vou apresentar uma série de motivos que irão motivá-lo ainda mais.

Sonhei em trabalhar na Rede Sarah desde o início da minha faculdade e realizei a seleção pública um ano antes de me formar na Universidade Federal da Bahia. Resultado: me formei em janeiro de 2006 e fui convocada em abril do mesmo ano. Com muita alegria e satisfação, trabalhei nessa maravilhosa instituição por 8 anos.

Vamos detalhar os motivos? 

O hospital Sarah é um grande centro de reabilitação, com destaque internacional por ser referência em atendimento de qualidade ao paciente. Nessa instituição, a saúde se sobrepõe à doença e o foco passa a ser o potencial que o paciente apresenta.

O atendimento é feito por uma equipe multiprofissional e a nossa profissão de enfermagem é muito valorizada e respeitada dentro da equipe de saúde. O médico é um dos integrantes da equipe e não o foco da atenção. Nessa instituição, o centro das atenções é o paciente e sua família. Além disso, a Rede Sarah sabe selecionar pessoas com boa qualificação. É uma marca da instituição ter uma equipe com grande conhecimento técnico e responsabilidade com o serviço.

SARAH-FACEBOOK-300x300

O profissional de enfermagem trabalha na Rede Sarah com toda a estrutura física, materiais e equipamentos de qualidade, ou seja, com alta efetividade e resolutividade no atendimento. O impacto disso pode ser visto na mudança de vida dos pacientes e familiares que por ali passam diariamente. É muito gratificante ver o resultado do nosso trabalho estampado no sorriso dos pacientes.

A Rede Sarah investe na capacitação e no treinamento de sua equipe, com foco na assistência de qualidade. Antes da contratação efetiva, o profissional passará por um treinamento remunerado. Nessa etapa, o profissional será preparado com cursos de anatomia, aulas de enfermagem, casos clínicos e treinamento prático no atendimento aos pacientes. Ou seja, muitos conhecimentos são disponibilizados aos profissionais.

Além de todos esses motivos de realização profissional e resolutividade da assistência ao paciente, vamos destacar, também, o aspecto financeiro. O salário da Rede Sarah é o maior do mercado, com relação à equipe de enfermagem. Além das vantagens do salário, o funcionário disporá de previdência complementar custeada, em 50%, pelo hospital Sarah; plano de saúde sem coparticipação; auxílio escolar até 14 anos e recebimento de FGTS.

Não ter estabilidade é uma desvantagem em relação ao serviço público, porém, o funcionário que trabalha com carinho, dedicação, disciplina, responsabilidade e humanização não terá risco de demissão. As demissões são motivadas e dependem de seu envolvimento com a qualidade na assistência. Como a instabilidade do funcionário é refletida na manutenção da qualidade na assistência e constante melhoria dos processos, não é permitido que a incompetência ou acomodação se instale na instituição, o que ocorre em muitos hospitais públicos onde a estabilidade é garantida.

O funcionário da Rede Sarah trabalha em regime de exclusividade e, para mim, isso sempre foi uma vantagem, pois o salário recebido compensa e evita a correria de um trabalho para o outro, além de proporcionar mais horas de descanso.

Trabalhar na Rede Sarah foi muito proveitoso em todos os aspectos, como obtenção de conhecimento, bom salário e satisfação profissional. Durante esse período de 8 anos, obtive diversas aprovações em outros concursos públicos, mas não saí da instituição por todas essas vantagens aqui explicitadas. Porém, por motivos pessoais e novos sonhos, pedi desligamento do Sarah para ser servidora pública e hoje sou enfermeira do Tribunal Superior do Trabalho.


Fernanda Barbosa

Graduada em Enfermagem pela Universidade Federal da Bahia e Pós-Graduada em Saúde Pública e Vigilância Sanitária. Atualmente, servidora do Tribunal Superior do Trabalho, cargo: Analista Judiciário- especialidade Enfermagem, Professora e Coach em concursos. Trabalhou 8 anos como enfermeira do Hospital Sarah. Nomeada nos seguintes concursos: 1º lugar para o Ministério da Justiça, 2º lugar no Hemocentro – DF, 1º lugar para fiscal sanitário da prefeitura de Salvador, 2º lugar no Superior Tribunal Militar (nomeada pelo TST). Além desses, foi nomeada duas vezes como enfermeira do Estado da Bahia e na SES-DF. Na área administrativa foi nomeada no CNJ, MPU, TRF 1ª região e INSS (2º lugar), dentre outras aprovações.

 

Deixe uma resposta