Concurso Anvisa 2016 – Técnico Administrativo: Nível médio, estabilidade e R$ 7.680,06 inicial!

4

anvisa-2016-concursoA estabilidade no emprego, assegurada pelo regime estatutário, é um das vantagens mais procuradas pelos concurseiros/as de todas as regiões. E quem tem o nível médio e busca uma vaga na área da Saúde poderá ter isso garantido pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Concurso Anvisa 2016 – Técnico Administrativo), caso seja aprovado no concurso para técnico administrativo. A agência chamará, a princípio, 78 classificados, que atuarão na sede, em Brasília. 

Mas a expectativa é de que as vagas imediatas dobrem durante o prazo de validade do certame devido ao grande déficit de servidores da carreira de Técnico Administrativo.  No ano passado, diretores da autarquia federal expuseram, em audiência pública na Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara dos Deputados, essa situação. Na audiência, foi revelado os seguintes detalhes: a agência tinha, em 2015, 857 servidores no seu quadro específico, nas carreiras de técnico administrativo, técnico em regulação, analista administrativo e especialista. Só que desses, 617 estarão aptos a se aposentar até o ano que vem. Hoje, um ano depois, o cenário provavelmente será pior.

Também foi apresentado que o número de quantitativo de petições e outros documentos recebidos pela entidade cresceu 284% em dez anos. Só que a força de trabalho, tanto nas carreiras específicas quanto nas efetivas, que em 2005 era de 2.726 funcionários, em 2015 diminuiu para 2.080 profissionais concursados. Além disso, entre 2005 e 2014 o volume de trabalho na Anvisa aumentou 111%. Dados como esse mostram a urgência de um novo concurso na agência reguladora.

O que reforça essa ideia, é a tradição demonstrada pela autarquia, que é de muitas nomeações de aprovados dentro do prazo de validade, o que deverá se repetir tendo em vista o aumento das necessidades de pessoal. Na última seleção, com edital publicado em 2013 e homologada no mesmo ano, mais de 69 candidatos foram nomeados e tomaram posse para o cargo de Técnico Administrativo, que tem edital iminente. O detalhe é que o edital trazia apenas 28 vagas, porém, o órgão solicitou adicional de 50% ao Ministério do Planejamento, sendo concedido, e, após isso, decreto presidencial autorizou a nomeação de mais 27 candidatos excedentes para o posto.

Em anos anteriores – 2010 e 2007, foram abertas 192 vagas, sendo todos os candidatos aprovados e um percentual de 50% solicitado ao Ministério do Planejamento, o que culminou com a convocação e posse de mais de 280 candidatos aprovados nas seleções anteriores. Lembrando que o concurso de 2016 para Técnico Administrativo da Anvisa é o quarto a ser realizado e servirá para substituir terceirizados.

Embora todas as 78 vagas de técnico administrativo do concurso já autorizado para a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) sejam destinadas à sede, em Brasília, esse concurso não deve ser deixado de lado por candidatos de outras partes do Brasil. As agências reguladoras, apesar de não terem tanto tempo de existência, são autarquias especiais com certa autonomia, logo os servidores conseguem trabalhar nelas com mais flexibilidade, sem tanta intervenção política. Quem ingressa em uma não pensa em sair. Pelo contrário, quer construir carreira. Isso se dá em virtude das remunerações bem atrativas e da satisfação pessoal e profissional. Então vale a pena apostar na Anvisa.

Além da estabilidade, os futuros técnicos trabalharão por 40h na semana e ganharão, inicialmente, R$ 7 mil mensais de remuneração, incluindo os R$ 458 de auxílio-alimentação e R$ 205 de auxílio-saúde (veja abaixo os detalhes). A Anvisa contratou a Cetro Concursos para organizar o certame de 2013. À época, as provas objetivas foram distribuídas pelas disciplinas de Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico e Quantitativo, Direito Constitucional e Administrativo, Ética, Regulação, Administração Pública, Vigilância Sanitária e Saúde Pública, além de Conhecimentos Específicos, na disciplina Noções de Administração, conforme pode ser conferido na prova disponível acima.

ANVISA-REMUNERAÇÃO

Estudar tendo por base a resolução de provas anteriores do órgão ao qual o candidato almeja a vaga é a melhor forma de se preparar, conforme apontam diversos especialistas. Tendo isso por base, quem sonha com uma vaga na Agência Nacional de Vigilância Sanitária, deve se guiar pelas provas das seleções de 2013, 2010 e 2007.

Além de resolver provas das seleções passadas, o edital do último concurso é base de estudos para os candidatos que iniciam a preparação. A fim de personalizar sua preparação, elaboramos e disponibilizamos gratuitamente o ‘’Edital Verticalizado’’ da seleção de 2013 para o cargo de Técnico Administrativo. Com ele, você vai poder maximizar seus estudos, pondo fim à falta de organização, e ganhando orientação do que estudar dia a dia. Para ter acesso, basta clicar no link abaixo.

Anvisa – Técnico – Último edital

O momento é oportuno até mesmo para quem ainda não iniciou os estudos! Até as provas, os candidatos possuem muito tempo para a preparação, o que conta a favor de quem não ainda não deu o passo inicial.  A hora é de estudar, seja nos dias da semana, seja nos finais de semana. É preciso ter garra, força e determinação neste momento. Certamente, para aqueles que seguirem à risca um bom planejamento de estudos, as chances de sucesso serão muito maiores. É hora de “ligar o turbo”!

– Quer saber como?

O concurseiro/a profissional sabe que o que o separa efetivamente da aprovação não são grandes deficiências de conteúdo, nem erros absurdos, mas pequenos detalhes que usualmente são desprezados no dia a dia da preparação. Assim, o concurseiro/a que quer ser aprovado se atém aos mínimos detalhes, e estuda com método, disciplina e planejamento. Um desses métodos é a resolução de provas anteriores. Acesse abaixo as avaliações dos últimos certames da Anvisa.

Técnico 2013:     Prova  –   Gabarito   –   Alterações do gabarito

Técnico 2010:  Prova  –   Gabarito   –   Alterações do gabarito

Técnico 2007:   Prova –   Gabarito

 

4 COMENTÁRIOS

    • Olá Edvaldo, boa tarde!

      As provas da Anvisa serão aplicadas em todas as capitais, mas os candidatos serão lotados apenas em Brasília.

      Estamos à disposição.

      Atenciosamente,

      – Comunicação Gran Cursos Online

Deixe uma resposta